DENUNCIA URGENTE ENVIADA A NOSSA REDAÇÃO.

 

VAZA ÁUDIO DA VEREADORA LUZIA DIRETORA EXPONDO UM SUPOSTO ACORDO ENTRE OS 11 VEREADORES DA OPOSIÇÃO, O MINISTÉRIO PUBLICO E A PROCURADORA PARA PROLONGAR AFASTAMENTO DO PREFEITO CRISTÓVÃO TORMIN.

CONFIRA NO VIDEO ABAIXO:

O que está acontecendo em Luziânia? Em meio à buracos nas ruas, desempregos, violência, falta de saúde pública e uma pandemia mundial de coronavírus, os nossos representantes políticos, que são responsáveis pela população, passam seus dias e noites fechando acordos ilegais para ganhar as próximas eleições? Esta é a Luziânia que nós moradores merecemos?

Em áudio enviado a nossa redação, denunciado por uma suposta funcionária da câmara municipal, a vereadora Luzia Diretora articula com seus aliados em favor de manter a prefeita interina Edna Aparecida por meios imorais com supostos acordos com o Ministério Publico e a Procuradora, para que o prefeito Cristóvão Tormin não volte as suas atividades. O prefeito voltará as suas atividades, de acordo com seu afastamento judicial dia 20 de junho, após afastamento por 120 dias.

É isso que a população merece? Que no caos da cidade seus representantes pagos com dinheiro do suor do trabalhador passem seus dias e noites fazendo articulações políticas pelo poder? Para continuar recebendo mais privilégios? Quando a população vai ser lembrada? Quando os trabalhadores vão ser lembrados? Quando as mães de família que estão sofrendo com seus filhos em casa vão ser lembradas?

Além de ilegal o que a vereadora Luzia e demais envolvidos fizeram é um TAPA NA CARA do morador de Luziânia, mostrando que nossos políticos não ligam pra população, só para o próprio umbigo.

Aguardamos resposta da Vereadora, do conselho de ética da câmara dos vereadores e da Prefeita interina Edna Aparecida.

Não temos políticos de estimação e não vamos passar pano para um ato como esse, que mostra como nossos representantes gastam seu tempo e como usufruem dos nossos impostos em seus salários.

Categoria:

Deixe seu Comentário